Meios e Mídias

Lendo… (2)

E como eu mudo de água pra vinho, e de alho pra bugalho, já terminei o livro que comecei anteontem e comecei um novo. Dessa vez ao invés de um tratado filosófico, a leveza d’O Melhor das Comédias da Vida Privada, do Luis Fernando Verissimo.

O Melhor das Comédias da Vida Privada
O Melhor das Comédias da Vida Privada

Verissimo sabe como ninguém transformar em riso as sutis tiranias, as infidelidades, as paixões fulminantes, os ódios mortais. Em O Melhor das Comédias da Vida Privada o escritor gaúcho escolheu suas histórias preferidas do livro que se tornou um clássico do humor brasileiro nos anos 90, numa seleção imperdível que inclui 35 novas crônicas, inéditas em livro. Da crítica política, passando pela comédia de costumes, até a radiografia dos relacionamentos amorosos, este volume reúne histórias engraçadas, delicadas e confessionais que revelam nossas pequenas e grandes tragédias cotidianas. Os amigos do penúltimo chope, a casa na serra, o lixo da vizinha, praia, férias. Um delicioso retrato da grande família brasileira, de sunga, pijama ou smoking, na corda bamba de todo dia. Aqui estão personagens que já se tornaram antológicos, como o marido do Dr. Pompeu, o Mendocinha, a mulher do Silva, as noivas do Grajaú, a Regininha. Com vivacidade e ironia, Verissimo decifra nossas comédias privadas, percorrendo o território lúbrico e impreciso da classe média, lugar de desejos bizarros e secretos. O Melhor das Comédias da vida Privada é o sétimo da série “Ver!ssimo”, que vai publicar toda a obra do escritor gaúcho pela Objetiva, em edições cuidadosamente revistas. Escrevendo todos os dias, em colunas publicadas nos maiores jornais brasileiros, Luis Fernando Verissimo aprimorou o texto e o olhar, transformando-se num dos autores mais admirados do país. (Sinopse do Submarino)

***

O lendo virou lido de novo. O livro tem cerca de 300 páginas, mas são crônicas e nenhuma delas tem mais do que 4 páginas. Dessa forma a leitura vai bem rápido.

Verissimo é sembre bola dentro. Receita pra entretenimento certo. Destaque para o já famoso As noivas do grajaú (hilário!) e pra todo o capítulo Metafísica.

Mais uma vez, recomendo!

Anúncios

2 comentários em “Lendo… (2)

  1. É ÓTIMO!

    Mas não é a mesma edição que eu li. O Verissimo filho é um gênio do humor.

    Gosto muito de um crônica que tem nesse livro, baseada em Casabalanca que chama “As Time Goes By”: http://literal.terra.com.br/verissimo/porelemesmo/porelemesmo_astime.shtml?porelemesmo)

    mas putz são incontáveis…na verdade gosto de todas. Li esse e o “Analista de Bagé” (também não sei qual edição)

    E até quando ele escreve raras histórias “sérias” ele arrebenta. É o caso de Condomínio. Um conto dele que acho muito muito muito foda:
    http://musicapoesiabrasileira.blogspot.com/2008/02/condomnio-belo-texto-de-luis-fernando.html

    Curtir

    1. Essa edição tem umas 30 crônicas inéditas.

      O As time goes by é ótimo, mas tem outros excelentes. O livro já começa com o Regininha (os 3 dias do condor) que eu já conhecia e acho hilário. E tem as noivas do grajaú, que eu não sei de onde saiu esse mito, mas é outra história hilária.

      Tem uma crônica feminista “séria” que também é ótima. E todo o capítulo metafísica é espetacular.

      Outro livro que recomendo. Mas com o Verissimo não tem erro, ele escreve muito bem!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s